Browse By

Damares Alves, “Em lágrimas, depois de soluços, peço a Deus que me dê forças para interromper o caminho e ouvir o clamor das crianças no Brasil.”

Damares Alves, “Em lágrimas, depois de soluços, peço a Deus que me dê forças para interromper o caminho e ouvir o clamor das crianças no Brasil.”

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, se pronunciou sobre o crime brutal que aconteceu em Alagoas no último domingo (24/1/21).

Uma mulher matou a própria filha de cinco anos e arrancou os olhos e a língua da criança com uma tesoura. O crime aconteceu no domingo (24) no Povoado São Cristóvão, em Maravilha, no Sertão de Alagoas. A informação foi divulgada na manhã desta segunda-feira (25) pela Polícia Civil.

Segundo a polícia, a suspeita tem transtornos mentais. Não há informações, no entanto, se ela teria arrancado os órgãos da criança depois de matá-la. O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para fazer a perícia.

O 7º Batalhão da Polícia Militar (7º BPM) esteve no local e constatou o crime. A identidade da mulher e da criança não foram divulgadas.

Após o flagrante, a suspeita foi encaminhada à 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil, em Delmiro Gouveia.

O caso vai ser investigado pelo delegado Diego Nunes, da Delegacia Regional de Ouro Branco.

Nas redes sociais, Damares disse que a equipe do seu Ministério, entrará em contato com a delegacia de Alagoas, “mas a regra semorr segue um padrão”

Damares Alves, “Em lágrimas, depois de soluços, peço a Deus que me dê forças para interromper o caminho e ouvir o clamor das crianças no Brasil.”

Veja a nota de Damares na íntegra:

MAS A SENHORA PRECISA POSTAR ISTO?

“Sim! Minha resposta é sim!
A matéria informa que mãe tem problemas mentais. Esta mulher deve ter trilhado um caminho até o assassinato. Não tenho ainda informações precisas sobre este caso, amanhã nossa equipe entrará em contato com a delegacia, mas a regra semorr segue um padrão, antes vem a negligência, depois os maus tratos, a tortura e segue…” comentou Damares.

Segundo a ministra, “Mas no caminho tem o choro, o gemido, o clamor e olhar de pedido de socorro!”

“Neste caso, nos parece, que ninguém interrompeu o caminho e ninguém viu ou ouviu os sinais e os pedidos de socorro emitidos pela criança. É fato que muitas vezes as crianças nos pedem socorro por dias, meses e até anos.” disse Damares Alves.

“Em lágrimas, depois de soluços, só peço a Deus que me dê forças para interromper o caminho e ouvir o clamor das crianças no Brasil. Só quero que a máquina e a política pública funcione de fato e estou trabalhando para isto.

Eu não cheguei antes!
O Poder Público não chegou antes da morte!
A sociedade não chegou antes!
A religião não chegou antes!” concluiu a ministra.

Continue acompanhando aqui em nosso site, as notícias mais relevantes do seu dia a dia. Notícias do Brasil e do mundo, com responsabilidade e credibilidade.

Volte á Página Inicial do Site Notícias de Direita Urgente para ver as Notícias Mais Relevantes do Momento!

Mantenha-se Sempre Bem-Informado Sobre Tudo o que Acontece no Brasil e No Mundo! Acesse o Site Welesson Oliveira – Orgulhosamente de Direita

Entretanto… No entanto… De acordo com o… Ainda de acordo com… Mesmo que… Por outro Lado… Além disso… Mesmo porque… Aliás… Afinal… Ademais… Anteriormente… Assim… contudo… Embora… Enquanto… Então… Entretanto… Outrossim… Pois… Por enquanto… Por enquanto…