Browse By

TSE rejeita ações do PDT contra Bolsonaro

TSE rejeita ações do PDT contra Bolsonaro; Intenção do partido de esquerda era cassar o mandato do presidente.

Não foi dessa vez que a esquerda conseguiu tirar Jair Bolsonaro do poder. Por unanimidade, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) julgou improcedente duas ações movidas pelo PDT contra o presidente da República e o seu vice, general Hamilton Mourão.

O objetivo da legenda era cassar o mandato da dupla por meio do Poder Judiciário, mas ela se viu derrotada na sessão realizada nesta terça-feira, 9.

Nas duas ações, o PDT pedia abertura de investigação contra Bolsonaro e Mourão. De acordo com a denúncia da legenda, a coligação formada pela dupla teria praticado o crime de abuso de poder econômico durante a campanha presidencial de 2018.

Segundo a alegação dos advogados dos pedetistas, tal infração teria ocorrido por meio de disparos em massa de mensagens pelo aplicativo WhatsApp.

Além do presidente e do vice, o PDT mirou empresas e Luciano Hang. Nas ações, o partido de esquerda solicitava a quebra do sigilo fiscal do dono da rede de lojas Havan.

Pedido que se estendeu a AM4 Brasil Inteligência Digital, Quick Mobile Desenvolvimento & Serviços, Yacows Desenvolvimento de Software, Croc Services Soluções de Informática e SMS Market Soluções Inteligentes Ltda.

Na alegação da sigla, essas empresas teriam sido responsáveis pelo disparo de mensagens elogiosas a Bolsonaro e com ataques a seus adversários políticos.

Análise do relator

TSE rejeita ações do PDT contra Bolsonaro

Relator das duas ações movidas no TSE pelo PDT contra Jair Bolsonaro, o ministro Luis Felipe Salomão atentou-se ao fato de os processos terem como base uma única reportagem publicada pelo jornal Folha de S. Paulo. Dessa forma, pontuou a ausência de provas robustas para levar o caso adiante.

“E aquelas provas que queria produzir eram ou impertinentes, ou inadequadas, ou ilegais para comprovar o fato apontado na inicial”, afirmou durante a leitura de seu voto.

“Não há qualquer elemento nos autos”

Ainda na questão de ausência de provas, Salomão declarou que “não há qualquer elemento nos autos” a sugerir a relação de Bolsonaro ou Mourão em supostos crimes eleitorais.

No mérito da questão, o ministro foi acompanhado pelos demais membros do TSE: Mauro Campbell Marques, Tarcisio Vieira de Carvalho Neto, Sérgio Banhos, Alexandre de Moraes, Luís Roberto Barroso e Edson Fachin (único que divergiu em outro ponto: de que as ações movidas do PDT deveriam ser julgadas em conjunto com outros processos contra o presidente da República).

Continue acompanhando aqui em nosso site, as notícias mais relevantes do seu dia a dia. Notícias do Brasil e do mundo, com responsabilidade e credibilidade.

Volte á Página Inicial do Site Notícias de Direita Urgente para ver as Notícias Mais Relevantes do Momento!

Mantenha-se Sempre Bem-Informado Sobre Tudo o que Acontece no Brasil e No Mundo! Acesse o Site Welesson Oliveira – Orgulhosamente de Direita

Entretanto… No entanto… De acordo com o… Ainda de acordo com… Mesmo que… Por outro Lado… Além disso… Mesmo porque… Aliás… Afinal… Ademais… Anteriormente… Assim… contudo… Embora… Enquanto… Então… Entretanto… Outrossim… Pois… Por enquanto… Por enquanto…